Os VALORES pessoais e O SENTIDO da VIDA. Quais os seus?

Os_valores_pessoais_e_o_sentido_da_vida

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook 0
Share on google
Google+ 0
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
Print

Viver faz sentido por razões diferentes para cada um de nós. O sentido que damos a nossa vida está relacionado aos nossos valores pessoais. Vivemos para conquistar aquilo que consideramos mais importante. Para saber as coisas que você considera mais importante, observe o que lhe motiva diariamente, as coisas com as quais ocupa o seu tempo, os objetivos que traçou para alcançar.

Sou professora de administração e fiz algumas experiências com a elaboração do planejamento pessoal entre os meus alunos, as etapas para o planejamento eram: 1) definir por ordem de importância seus valores pessoais; 2) definir objetivos a curto, médio e longo prazo; 3) definir metas para alcançar os objetivos; 4) definir os possíveis obstáculos para atingirem suas metas e possíveis estratégias de superação; 5) definir uma visão de futuro para suas vidas.

Nesses exercícios de planejamento pessoal acontecia algo que sempre me chamava a atenção. Na etapa 1 os alunos definiam por ordem de importância como valores pessoais: Deus, Família, amigos; saúde, estudo, trabalho e dinheiro. Contudo, noventa porcento dos objetivos e metas definidas na fase seguinte eram para conquistar dinheiro e ascensão profissional.

Ao final do trabalho desenvolvido eu e meus alunos analisávamos juntos o planejamento pessoal e refletíamos sobre qual o verdadeiro sentido da vida. Sobre o que realmente era prioridade para eles? Se sucesso profissional e econômico? Ou Se bem estar espiritualfamiliar e social? Eu insistia para que eles respondessem estas perguntas intimamente.Porque dependendo das respostas que encontrassem para estas perguntas eles saberiam em que áreas da vida eles seriam realizados. Pois tudo o que desejamos requer trabalho, estudo e dedicação. Para termos harmonia espiritual, familiar, boas amizades e uma vida social feliz temos que aprender a cultivá-las, aproveitando as oportunidades que o tempo nos oferece e estabelecendo objetivos e metas adequadas.